SDI INSTALA SORTER ULTRAFLEXÍVEL – JOEY POUCH SORTER

FPI523-1 with logo

A SDI, uma empresa integradora de sistemas líder no fornecimento de soluções intralogísticas para os segmentos de varejo, atacado, atendimento e de e-commerce, combinou forças com o fornecedor de sistemas suíços Ferag AG e, juntos, instalaram uma solução muito original e extremamente flexível e escalável: o JOEY Pouch Sorter.

O JOEY Pouch Sorter é um equipamento capaz de transportar, classificar e incorporar estações de alimentação, gerando uma zona armazenagem intermediária, e criando um buffer para área de embalagem e de separação de pedido, enquanto que interliga todos eles. Esta versatilidade se estende por uma infinita variedade de produtos, como roupas, sapatos e jóias, só para citar alguns. Além disso, o JOEY sorter permite que seu projeto seja implementado por sobre o fluxo produtivo ou em torno de áreas de processamento já existentes, dando à SDI a oportunidade de adaptar a solução para cada cliente individualmente.
A SDI integrou a nova tecnologia em um centro de distribuição existente das Lojas Stage, com sede em Houston no Texas. A solução equipada com o JOEY Pouch Sorter, deverá tornar-se operacional no 3º trimestre de 2016. A instalação é especificamente destinada a melhorar a eficiência e a velocidade de separação de pedidos do canal de E-Commerce da empresa, que apresenta crescimento exponencial.

“A SDI foi meticulosa na sua avaliação e escolha de nosso equipamento e avaliou uma série de alternativas antes de finalmente decidir em favor do nosso sistema”, explicou Jürg Möckli, CEO da empresa suíça Ferag AG. De acordo com Krish Nathan, CEO da SDI, não foi só a excepcionalmente elevada flexibilidade e facilidade de manutenção (o sistema é quase livre de manutenção), que foi determinante para a escolha desta solução, mas também, a alta eficiência energética que vem com a tecnologia do acionamento, que é em grande parte a base de força gravitacional.
“O aspecto único da solução é o fato de que as bolsas podem ser classificadas através da utilização de algoritmos de software sofisticados”, disse Nathan. “Por exemplo, as bolsas de transporte seguem aleatoriamente numa sequência que melhor se adequa a eficiência da separação de itens.”

O único trabalho do empacotador é embalar os produtos em uma caixa ou saco e rotular o pacote “, acrescentou Nathan. “Normalmente, as soluções alternativas, tais como, “put-to-wall” ou classificador unitário, entrega um pequeno grupo de ordens para o operador responsável por embalar, para então se consolidar as ordens, passo este que é secundário e é totalmente eliminado!”
Entre os itens distribuídos por este rede de lojas estão famosas marcas de calçados e de vestuário como Calvin Klein, Clarks, Lee, Levis e Ralph Lauren.

SOBRE a SDI

A SDI é uma das empresas mais respeitadas em nível mundial no que diz respeito à soluções integradas e turnkey para Centros de Distribuição de diferentes segmentos, tais como varejo, vestuário, alimentos, farmacêutico, automobilístico, transportes, construção, eletro-eletrônico, distribuição atacadista e comércio eletrônico (ecommerce).

Como fabricante e integrador de sistemas, a SDI desenvolve soluções que melhoram a produtividade e as margens operacionais de sua empresa, visando sustentar o seu crescimento, sempre alinhado com os objetivos, procedimentos e estratégias de cada um.
A consultoria desenvolvida pela SDI, permite que empresas de todo o mundo obtenham benefícios reais, como a melhora da eficiência operacional, a otimização dos recursos humanos e a rentabilização da produção, tudo sobre a base de maior visibilidade, rapidez e controle dos processos operacionais logísticos.
Nós oferecemos soluções turnkey para sistemas de movimentação há mais de 35 anos para empresas de todo o mundo.
Com sede em Los Angeles, Califórnia, a SDI é uma organização multinacional com operações em todo o mundo, atendendo a clientes nacionais e internacionais. Temos atualmente mais de 400 sistemas de centro de distribuição instalados em todo o mundo. Saiba mais em SDI.SYSTEMS ou envie-nos um email para THIAGO.HOLANDA@SDI.SYSTEMS

SDI Systems do Brasil
Rua Padre João Manoel, 755 cj 153 – São Paulo – SP – 01411-001
Tel.: 55 11 3238-4666

June 28, 2016 0

O SDI implementa laboratório logístico no Duoc UC

Há menos de um ano desde a assinatura de um acordo de cooperação entre o Duoc UC, na sede Plaza Vespucio e SDI, recentemente se concretizou um importante investimento no Workshop de Logística da instituição acadêmica, que ficou equipada com o WMS de High Jump, com tecnologia e sistemas similares aos utilizados hoje pelas maiores empresas do país.

Na cerimônia inaugural participaram Rodrigo Lagos, diretor do Duoc UC sede Plaza Vespucio; Darío Mora, diretor de Cursos e Logísticas; María Magdalena Monrroy, docente do curso de Logística; Patricio Berstein, gerente geral do SDI; professores e alunos.

María Magdalena Monrroy, uma das principais motivadoras deste convêncio, explicou que apesar de que a sala de Logísticas estivesse bem equipada, faltava a parte inteligente do sisemta, que foi precisamente o que o SDI instalou através do HighJump. “Através da computação eu posso saber como recepciono os produtos, como vou armazená-los, como reparti-los, como despacho, é um seguimento”. A acadêmica disse que “isto é o melhor que pode acontecer para um aluno do Duoc, já que este tipo de laboratório se vê pouquíssimo em um centro de estudos”.

“Foi um longo e extenuante processo, mas com um grande benefício para os nossos alunos, como é a materialização do software e instrumentos utilizados atualmente na indústria”, comentou Darío Mora, diretor dos Cursos de Logística, que agradeceu a doação em nome dos 350 alunos que se beneficiarão.

“Quero agradecer todas as pessoas do SDI porque este tipo de iniciativas são as que nos serve para que os alunos possam ver como funciona o mercado e para que possam aprender o que será necessário quando saiam para trabalhar”, afirmou Rodrigo Lagos, diretor do Duoc UC Sede Plaza Vespucio.

Por sua vez, Patricio Berstein, gerente geral da SDI reiterou o compromisso da empresa com a melhora da educação, indicando que “os alunos hoje poderão se relacionar com a tecnologia que está disponível para as operações logísticas nas empresas onde eles, provavelmente, poderão trabalhar no futuro”.

May 1, 2014

O Grupo SDI Chile e Duoc UC assinam acordo de colaboração

A fim de contribuir de maneira concreta para os alunos de Logística através de ferramentas relacionadas diretamente com o know-how profissional, a multinacional SDI Group e Duoc UC assinaram um acordo de colaboração que abarca, entre outras atividades, aulas magistrais com os executivos da empresa, a criação de uma laboratório de logística com toda a tecnologia necessária, e a opção de fazer estágio em uma das empresas líderes da indústria. Tudo isso, com o objeetivo de que os alunos desenvolvam sua habilidade e conhecimentos sobre este setor, que está em crescimento e evolução tecnológica constante, tanto no nosso país como em toda América Latina.

A assinatura aconteceu entre os senhores Patricio Berstein, Gerente Geral do SDI Group Chile e Rodrigo Lagos, Diretor da Sede Plaza Vespucio do Duoc UC, e controu com a participação de Darío Mora, Diretor de Engenharia em Logística e Comércio Exterior da Escola de Administração e Negócios do Duoc Plaza Vespucio.

January 11, 2014

Chega ao Chile através do Grupo SDI:

MonaLisa, o novo sistema de classificação por bolsa.

Monalisa é o novo sistema que permite a classificação e o armazenamento simultâneo de produtos em grande velocidade.

Logo após o sucesso obtido na Alemanha, o SDI Group traz ao país a MonaLisa, um novo sistema de classificação e armazenamento de produtos que entrega às empresas de varejo soluções para cumprir com as exigências do negócio, já que além de sua alta velocidade de classificação, o design criativo da MonaLisa permite que todos os produtos se encontrem disponíveis para ir rapidamente ao despacho. É uma forma de distribuição de pedidos que permite a gestão de ordens pequenas, com a mesma eficiência que se aplica na distribuição de grandes volumes, evitando os gargalos nas operações.

Este novo sistema de classificação foi apresentado por Jean-Marc Moulin, gerente de Operações do SDI Group da França, durante sua visita no Chile, durante e Feira Logistec 2014.

Nesta linha, a MonaLisa oferece alistar os produtos em lotes de não mais de 5kgs por bolsa em uma velocidade de xxx bolsas por hora. No início do processo tais bolsas passam por uma área de classificação para receber os produtos que o operador vai lendo em um leitor, para cair nesta bolsa, que avança sob uma “bancada de leitura”, e então continua seu curso de acordo com as instruções de software e circula por um sistema suspenso, até que seja necessário na área de embalagem onde vai até o operador para que retire os produtos, e dali para depositá-los na caixa que prepara para o despacho. Em um sistema único que dá a oportunidade de entregar produtos em embalagens individualizadas, com a velocidade e eficiência aplicada tanto para as solicitações massivas como as de devolução, explicou o representante da SDI Group França.

Deste modo, Patricio Berstein, Gerente Geral do SDI Group Chile, explicou que “este método de classificação incorpora uma série de designs patenteados que dão velocidade de ‘nível mundial para o processo de armazenamento e transporte de produtos para os centros de embalagem, alcançando níveis de alto rendimento para o comércio varejista, particularmente e-commerce”.

December 9, 2013

Omni-Channel, a nova forma de levar os produtos até o consumidor.

O serviço, também conhecido como multi-canal, permitirá agilizar a entrega de diferentes artigos na velocidade e imediatez que o consumidor demanda, e com um maior nível de pressão. No Chile, a transnacional SDI Group trouxe o assunto para discussão.

Dia a dia a sofisticação e exigência dos consumidores que pertencem à era digital se aprofunda. Este último pode ser apreciado pontualmente na mudanças que os clientes estão pedindo aos grandes varejistas na hora de despachar um determinado produto. O anterior se dá porque os consumidores agora querem receber a mercadoria imediatamente e no menor tempo possível.

Dentro deste contexto de agilidade de mercado, já não há espaço para as entregas em 48 horas ou metade do dia, e por isso que se abre uma porta para a chegada de despachos express em prazos de 4 a 5 horas, e com muita pressão, o que permite ao consumidor não ter que estar plantado em casa, esperando que o artigo solicitado seja entregue.

É assim que surge o Omni-Channel, ou multicanal, um novo conceito de logística no varejo que já está dando o que falar em diversas empesas do mundo e também no Chile, graças à transnacional SDI Group, empresa com 35 anos de trajetória especializada em entregar soluções de logística interna, que traz para a mesa de discussão de vários varejistas.

“O Omni-Channel implica que os produtos possam ser adquiridos pelo consumidor através de qualquer canal, seja na loja, catálogo, call center, site ou aplicativos móveis. Mas ao mesmo tempo, obriga a empresa a despachar estes produtos através do canal mais apropriados às exigências de horário e localização do cliente. Em poucas palavras, o Omni-Channel consiste em optar entre despacho ao domicílio do cliente desde o centro de distribuição, despacho ao domicílio desde a loja mais próxima, retiro do produto pelo cliente em alguma das lojas, ou envio do produto a uma caixa postal habilitada em algum servi-centro”, explica Patricio Berstein, Gerente Geral do SDI Group Chile.

Oportuidades e desafios para o varejo

Para muitas empresas do ramo de varejo é complicado deixar de lado sua forma tradicional de despacho dos produtos e redefinir seus canais de distribuição. Mas, com certeza a chdegada de uma tecnologia como o Omni-Channel se transforma em uma oporunitdade de fazer com que os negócios cresçam e sejam mais rentáveis.

“Os varejistas devem aprender a incorporar este novo tipo de logística. Aqueles que são maiores têm todas as vantagens para concretizar o uso to multicanal, já que dispõem de plataformas e-commerce e social commerce bastante afinadas, e centros de distribuição que podem aderir perfeitamente à esta tecnologia”, explica Patricio Berstein.

November 19, 2013

SDI Group assina uma aliança com a empresa alemã Gebhardt

  • A alicança estratégica tem por objetivo a expansão para a América Latina da empresa alemã.
  • • Além de complementar a carteira de produtos de em ambas, aplicados à logística interna, para oferecer um serviço integrado de acordo com as necessidades do mercado.

O SDI Group, empresa que entrega soluções integrais de logística interna, líder na categoria com mais de 25 anos de experiência, acaba de assinar uma aliança com a empresa alemã Gebhardt, uma das três mais importantes deste país, e especializada em tecnologia de ponta para facilitar a logística das empresas, e que começou sua expansão para a América Latina através do Chile.

“Para nós o mercado latino-americano é sumemente importante pelo crescimento que está experimentanto e, especialmente o mercado chileno como primeiro passo de expansão por ser uma referência em relação a logística. Além disso, é um país que conta com um desenvolvimento amplo de setores importantes como o varejista, a mineração e outros, que necessitam automatizar de maneira mais eficiente seus armazéns e produtos”, afirmou Christian Spiess, Diretor de Global Sales da Gebhardt.
O acordo permitirá entregar às empresas médias e grandes processos de implementação logística muito mais completos, que vão desde a assesoria até qual estrutura ou tecnologia necessitam para aumentar sua automatização de processos, que como objetivo geram um melhor serviço para o cliente final a menores custos, tanto de tempo como de dinheiro.

“Os mercados, graças à globalização, se tornaram mais exigentes e competitivos, e por isso a gestão logística se converteu em uma ferramenta para o desenvolvimento de qualquer empresa, otimizando seus custos e tempos, tornando necessário oferecer assessoria e soluções completas que permitam um crescimento sustentável, e neste desafio formamos a aliança com a Gebhardt para poder complementar nossos serviços e conhecimentos, e oferecer assim uma solução ainda melhor para os nossos clientes”, disse Patricio Berstein, gerente geral do grupo SDI.

Outros dos desafios que as empresas enfrentam hoje é o e-commerce, e a logística inversa que gera este tipo de mercado, o que faz com que seja cada vez mais necessário uma gestão logística aplicada segundo a necessidade de cada setor, empresa e competitividade buscada. As soluções devem ser feitas sob medida.

November 8, 2013